Morreu aos 30 anos Luís Silva, técnico de som da rádio MFM

0
452
Luis Silva, "Dj Fenitão" é um operador de emissão da rádio MFM. Fotografia de Fernando Guelengue
- Publicidade -

O técnico de som da rádio angolana MFM, Luís Silva, conhecido também como Dj Fenitão, morreu neste sábado, 28, vítima de doença, no Hospital do Prenda, em Luanda.

Em entrevista exclusiva ao Portal Marimba Selutu, Marinete Francisco, mulher do profissional de rádio, confirmou a morte do marido.

“O Luís Silva morreu de anemia. Há duas semanas, o meu marido estava a sentir-se mal. Fomos rapidamente ao Hospital do Prenda e os médicos diagnosticaram essa doença. Fizemos os tratamentos todos conforme a regra dos médicos, mas o Luís não aguentou e nos deixou”, revelou a jovem, acrescentando que o malogrado deixou ela concebida e com uma filha de 1 ano e 8 meses.

No dia 22 de Julho, Dj Fenitão fez a sua última publicação na conta do Facebook, alertando as pessoas a aprenderem a ficar sozinhas. “Se eu pudesse dar um conselho hoje, seria: aprenda a ficar sozinho”, escreveu na sua cronologia e anexou uma fotografia da parte técnica da rádio, fechando a boca com as mãos, como símbolo do silêncio.

Luís Silva, “Dj Fenitão”, iniciou a sua carreira profissional como técnico de som em rádios privadas de Luanda, passando mais tarde a inclinar-se para o mundo cultural como Dj nas festas e outras actividades culturais dos bairros de Luanda.

Segundo os familiares, em Dezembro do corrente ano, Luís Silva completaria 6 anos de trabalho dedicados à emissora MFM, rádio angolana fundada no dia 30 de Novembro de 2015.

O jovem profissional nasceu no antigo município e hoje distrito de Kilamba Kiaxi, no dia 12 de Dezembro de 1990.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorEry Claver estreia filme que retrata presença chinesa em Angola
Próximo artigo“Mural da Resistência” homenageia bravura e grandeza moral de personalidades angolanas

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui