Académicos criam associação de defesa dos sans de Angola

0
162
Sans de Angola - Huíla_2023
- Publicidade -


Um grupo de pesquisadores da Associação Científica de Angola (ACA) trabalhou para a fundação, na quinta-feira, 9, da Associação dos Sans de Angola, no Liceu do Lubango (PUNIV 14 de Abril), na cidade do Lubango, província da Huíla.

De acordo com a nota de imprensa que tivemos acesso, a criação desta estrutura sem fins lucrativos surge do PROSANS – Projecto de Investigação Científica da ACA, financiado pela Open Society Angola.

Este estudo, segundo a nota, desenvolveu um estudo etnográfico, histórico, geográfico, metafísico e socioeconómico do grupo étnico San, grupo étnico concentrado e localizado nas regiões Sudoeste, Sul e Sudeste de Angola, concretamente instalados nas províncias do Namibe, Huíla, Cunene, Cuando Cubango e Moxico.

“Numa base devidamente fundamentada pelas comunidades locais e especialistas que lidam com as questões desta comunidade minoritária, o nosso grupo de pesquisadores documentou um quadro socioeconómico grave que concorre para a extinção dos Sans, nomeadamente extrema pobreza e miséria caracterizada por fome, nudez, subnutrição e desnutrição no seio de todas as comunidades alcançadas”, frisou Fernando Guelengue, Secretário Executivo da ACA.

O acadêmico explica igualmente que esta realidade configura um cenário de emergência com a necessidade de reforços de estratégicos para a criação de instituições que se preocupam com a melhoria das condições deste agrupamento. 

Guelengue disse ainda que entre as recomendações desta pesquisa que será lançada este ano em Luanda, consta a necessidade de se promover uma iniciativa que cuide do bem-estar social desta comunidade étnica e minoritária de Angola.

A Associação dos Sans de Angola é o instrumento da sociedade civil sem fins lucrativos e apartidária que, em colaboração com as autoridades governamentais e demais instituições nacionais e internacionais, poderá trabalhar para a busca das melhores soluções dos problemas da Comunidade San.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorCarlos Bobone lança “Monarquia” em Lisboa
Próximo artigoMorreu actor Avelino Viegas do personagem “Kamba Mbinji”

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui