Galeria “The Art Affairs” aposta em artistas emergentes para a Feira de Arte

0
39
Alexandra Gonçalves é uma artista angola e responsável pela galeria The Art Affairs. Foto: FG
- Publicidade -

A produtora e artista Alexandra Gonçalves apresentou a proposta da galeria que representa para a primeira edição da Africell Luanda Feira de Arte, a decorrer no Palácio de Ferro, de 19 a 21 do corrente mês, na Baixa de Luanda.

Durante a conferência de imprensa de apresentação e abertura da Feira de Arte, a responsável pela galeria The Art Affairs afirmou que, entre todas as expositoras presentes no evento, a que representa é a mais jovem e menos conhecida no mercado.

“Já existimos no mercado há alguns anos, mas estávamos dedicados à produção de filmes. Desde o ano de 2023, temos nos posicionado como uma galeria «pop up» e realizamos eventos de exposição de artes em diversos lugares com destaque para os centros culturais”, referiu Alexandra Gonçalves, sustentando que, a sua equipa está na presente edição com o foco de mostrar a arte angolana e mais tarde conviver com galerias internacionais, como acontece noutros países de África e do mundo que têm as suas questões artísticas bem construídas.

A também produtora cinematográfica referiu que, a sua organização pretende ser o braço de ajuda na caminhada de vários artistas que, muitas das vezes, precisam de um apoio para atingirem determinados meios e iniciativas como residências artísticas, bolsas de estudos e outras oportunidades.

“É importante que participemos destes tipos de eventos porque precisamos formalizar o mercado da arte. É importante produzir arte, mas não menos importante é termos um mercado formal com ‘players’ formados e destacados para tornar o mercado rentável para os artistas e colocá-los junto do seu público-alvo”, rematou a artista, convidando os angolanos a visitarem todos os stands.

Nesta Iª edição do Africell Luanda Feira de Arte, a galeria The Art Affairs vai apresentar uma proposta multidisciplinar com audiovisual, curta-metragens, artes plásticas, fotografias de quatro artistas angolanos.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorFilmes retratam violência contra mulher angolana
Próximo artigo“A Feira de Arte está avaliada em 20 milhões de kwanzas”, revela Dominick Maia Tanner

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui