Glória da Lu encanta no “Mississipi Jazz Festival”

0
490
Glória da Lu é uma cantora e compositora angolana que brilhou no palco do Palácio de Ferro. Foto de Domingos Barrete.
- Publicidade -

A cantora, compositora angolana e uma das finalistas da 24ª Edição do Festival da Canção de Luanda (FCL), Glória da Lu, encantou, no último domingo, 5, os fãs que assistiram ao “Mississipi Jazz Festival”, ocorrido durante os dias 3, 4 e 5 do corrente mês, no Palácio de Ferro, em Luanda.

Depois da sua actuação, no último dia do festival, a cantora falou à reportagem do Portal Marimba Selutu que as seis músicas apresentadas em palco são de sua autoria.

“Todas as canções são da minha autoria. Abri o meu concerto com ‘O Meu Fardo Pesa’; [depois], ‘A Dor da Perda’, que foi a vencedora das categorias de ‘Mais Votado’ e de ‘Melhor Letra’ da [23ª Edição] do Festival da Canção de Luanda.”, lembrou a finalista do FCL, sustentando que a seguir, interpretou as canções “Pela Fé”, “Tenha Piedade”, Wakwensa” e “Vem Andar Comigo”.

Quanto ao “Mississipi Jazz Festival”, Glória da Lu considerou como um evento bem organizado e que deve ser elogiado. “Mississipi Jazz Festival é um trio bastante organizado e muito bem representado. Sempre organizaram concertos que mereceram muitos elogios e neste, não foi diferente. Foram três dias de concertos em que tudo estava muito bem organizado.”, reforçou, sublinhando que foi acompanhada, em palco, pelo guitarrista e director artístico, Santimant Mwiny, o pianista Jotta Kassonga, e o percussionista e músico Noel Diatabau.

Por outro lado, a artista apelou igualmente aos fãs a votarem na música “Mãe, Diamante Lapidado” que tem estado a concorrer na 24ª edição do Festival da Canção de Luanda.

“Em vez de enviar só mensagem, quero pedir um favor! Porque, estamos num nomento de votação [no Festival da Canção], da qual o voto do pessoal é que garantirá a conquista do prémio. Para votarem em Glória da Lu, é só deixarem uma mensagem normal [por telemóvel] com o texto: Glória da Lu: Mãe, Diamante Lapidado. E envia-o para o número 944 212 650!”, rematou a vencedorra da última Edição do Festival da Canção.

Quem também subiu ao laco do festival foi a cantora Esperança Mirakiza, que interpretou as temas “I am Light”, “Essumo”, “Não te Largo” e “Nzila Nzambi”.

Estiveram presente no evento, a secretária de Estado para a Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Elsa Barber; o Director Provincial da Cultura, Dr. Manuel Gonçalves e sua esposa Manuela Gonçalves, o músico Guy Destino, familiares, fãs e o público em geral.

O “Mississipi Jazz Festival” é um projecto de promoção da música gospel, como forma de manifestação artística e cultural “Sandjuka”, levada a cabo pela empresa Nakenis.08, em parceria com o “Somos Angola, Somos Cultura” e do Ministério da Cultura Turismo e Ambiente.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorAngola vai receber doação de esculturas francesas do século XVIII
Próximo artigoCidadania participativa será debatida em evento online

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui