Grande vencedor do Festival da Canção vai receber 3 milhões de Kwanzas

0
281
Carla Romero é a directora executiva do Festival da Canção de Luanda. Foto de Domingos Barrete

A presente edição concede para o artista vencedor da categoria de “Grande Prémio da Canção”,  o valor de 3 milhões de kwanzas e 500 mil para as demais categorias

Em homenagem ao percurso da música angolana, os 10 concorrentes seleccionados para a 24ª Edição do Festival da Canção de Luanda (FCL), a banda musical e o elenco da rapsódia [musical] foram apresentados nesta quarta-feira, 4, no Palácio de Ferro, em Luanda.  O evento, que será realizado no Palácio de Ferro, é promovido pela Rádio LAC, com a co-produção da TV Zimbo e será transmitido pela televisão e via online.

Segundo a directora executiva do FCL, Carla Romero, a organização do concurso recebeu mais de 200 propostas que foram analisadas por um corpo de jurado da pré-selecção, chegamos aos 10 finalistas e mais três suplentes para substituir em caso de uma situação inesperada.

“As pessoas estão a ter muito mais cuidados com as canções que propõem e, em cada ano, tem sido mais difícil os júris seleccionarem os finalistas”, declarou a responsável durante a conferência de imprensa de apresentação dos finalistas da 24ª edição do FCL.

De acordo com uma nota da organização, a temática desta edição do festival reflecte a qualidade e riqueza da mensagem da produção musical angolana. “Em todos os géneros há canções com uma mensagem rica, mesmo que não se possa valorizar esteticamente. Os letristas não se dizem poetas”, lê-se no documento que acrescenta que “uma letra obedece a algumas necessidades diferentes de um poema e usámos a nossa sensibilidade para valorizar esteticamente os temas que escolhemos”.

Sobre as categorias a serem premiadas, Carla Romero disse que para este ano, o Festival da Canção de Luanda apresentou uma inovação. “Os vencedores das categorias melhor voz, melhor intérprete e prémio LAC Unitel receberão um quantia de 500 mil kwanzas, sendo que a melhor letra ficará com 800 mil kwanzas”, revelou a directora executiva, sustentando que a categoria de melhor letra tem um valor alterado devido o tema escolhido para a presente edição.

Em relação ao vencedor do “Grande Prémio da Canção”, revela Carla Romero, levará para casa 3 milhões de kwanzas, um valor disponibilizado pela Sonangol, empresa patrocinadora oficial do Festival com o tema «A Poesia no Percurso da Música Angolana».

Elenco da Banda e Rapsódia

Após a conferência de imprensa, os jornalistas e demais convidados presentes foram brindados com uma curta apresentação daquilo que será exibido no dia do Festival. Os finalistas interpretaram em um minuto as suas canções e o grupo Enigma Teatro apresentou uma simulação do que será a rapsódia ou musical.

A banda do Festival da Canção de Luanda comporta os músicos Dalú Roger (percussão), Mário Gomes (guitarra solo), Ricardo Campos (guitarra baixo), Jack da Costa (Bateria) e Nino Jazz (teclado), sendo este último o também director musical do Festival.

Entre os finalistas e os temas, constam a cantora Da LU (Mãe Diamante Lapidado), Zinho dos Santos (Independência), Edson Neves (Poema para Luanda), Wilmar Nakeni (Cale-se de mim), Ngola Choir (Marcas), JowsaH (Brilho), Teide Costa (Canção da terra), Gato (Falta de sorte), Benção Neves (Avenida das Acácias) e Guisleine Vuala (O tempo parou).

Para responder as perguntas dos jornalistas presentes na conferência de imprensa, a mesa estava composta pela directora executiva do FCL, Carla Romero, director de programas da TV Zimbo, Esmeraldo Baptista, directora artística do FCL, Cristina Miranda, director de produção, Paulo Costa e Nino Jazz, director musical.  

A conferência de apresentação contou ainda com a presença da directora da Rádio LAC, Luísa Fançony e demais convidados.

Para juntar ao aniversário da LAC, a acontecer no dia 25 de Setembro, a organização fez saber que irão realizar uma actividade cultural – de 24 à 26 de Setembro – com uma feira, exposição de poemas e quadros de artistas variados e de instrumentos musicais cedidos pelo Museu Nacional de Antropologia.

Promovido desde 1986 pela Luanda Antena Comercial – LAC, o Festival da Canção de Luanda tem os seus objectivos o de incentivar a criação do género canção, procurando uma simbiose entre o tradicional angolano e o moderno universal (world music), apoiar o desenvolvimento da criação de originais de qualidade, através da participação dos compositores angolanos, motivar os músicos e compositores a desenvolver e aprofundar as suas aptidões musicais dentro do espírito da competição saudável.

O concurso visa igualmente estabelecer a diferença entre compositor/autor e intérprete, envolver os ouvintes da Rádio LAC num concurso pela votação, por telefone, elevar os níveis de audiência da LAC pelo contacto directo dos ouvintes, com o universo da música angolana, bem como o de contribuir para a consciencialização e respeito pelos valores artísticos da sociedade angolana, veiculados pela música.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorDocumentário sobre Barack Obama estreia no seu 60º aniversário
Próximo artigo“Se houvesse quem patrocinasse, o Festival da Canção de Luanda iria para outras províncias”, Luisa Fançony

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui