Santos Católica apela à criatividade e à investigação artística

0
159
Santos Católica durante o concerto de Gabriel Tchiema. Foto: DR
- Publicidade -

O apelo surge no âmbito do Dia Mundial do Compositor que se assinalou nesta terça-feira, 15 de Janeiro.

O músico e compositor Santos Católica apontou, nesta quarta-feira, 16, a criatividade e a investigação artística e cultural como caminhos para os novos talentos se enquadrarem nas exigências do mercado nacional.

Em declarações à Angop, o artista afirmou que a melhoria da composição ajuda a conquistar público nacional e internacional.

“Uma boa composição contribui positivamente no resgate de valores morais e éticos da sociedade, assim como na mudança de atitude, daí que a aposta neste sector deve ser fundamental”, sublinhou Santos Católica, acrescentando que além da componente composição, o artista actualmente deve saber tocar instrumentos musicais, principalmente os acústicos mais predominantes na região Leste do país.

Para os artistas da nova geração que enveredam pela Txianda, o compositor acredita que devem ser humildes, pesquisadores da identidade cultural, evitando cantar apenas a pensarem em lucros fáceis e obter fama.

Sem revelar títulos, anunciou que está em estúdio a preparar a sexta obra discográfica nos estilos Txianda e soul music.

Conhecido como o rei da Txianda e outras danças do Leste, Santos Católica iniciou a carreira musical nos anos 80 no grupo coral da igreja católica, na capela Santa Isabel, em Saurimo, tendo já gravado cinco álbum, sendo o primeiro em 1995 intitulado “Macopo”, o segundo “Jesus meu amigo” (1996), o terceiro “Kamuluzu” (2007), o quarto “Naluqissa Ku Saulimbo” (2011) e o quinto “Ukole ua Mpla” (2012).

Este dia é comemorado desde 1983 no México, com o intuito de honrar os compositores existentes no mundo, que contribuem com a sua arte para o fluir das emoções humanas, ao eternizar pequenos momentos e sensações da vida em música.

Deixe o seu comentário
Artigo anterior“Abandonei os palcos como artista”, revela Tony Nguxi
Próximo artigoXutos & Pontapés: primeiro concerto foi há 40 anos

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui