Hitler Samussuku aborda “Eleições em Angola” na SICEMAP do México

0
55
Activista e músico Hitler Samussuku na marcha por eleições livres e justas. Fotografia de Jenueva de Oliveira
- Publicidade -

O activista e porta-voz do Movimento de Intervenção Terceira Divisão, Hitler Samussuku é o único africano a dissertar sobre as eleições em Angola, nesta sexta-feira, 2, às 15horas, no México.

Trata-se da Semana Ibero-Americana de Comunicação, Estratégia e Marketing Político (SICEMAP), um evento que visa analisar, contribuir e divulgar questões relaccionadas às estratégias de comunicação política; eleitoral, governamental e de crise.

A SICEMAP iniciou na segunda-feira, 29 de Agosto e termina nesta sexta-feira, 2 de Setembro de 2022 e reúne professores, consultores, estrategistas e especialistas dos 22 países que compõem a região ibero-americana.

De acordo com informações disponíveis no site da organização, os interessados poderão conhecer as informações em torno da comunicação cujos fundamentos criam condições de igualdade entre os contendores, além de fornecer total clareza em torno da mecânica democrática.

“O exercício que determina a agenda de gestão das instituições, atitudes e processos, portanto a comunicação deve ser clara nas instâncias governamentais e essencial para as necessidades que se impõem no plano político e social”, refere a nota online, sustentando que no tópico relacionado a crise, as pessoas poderão conhecer a melhor forma de prevenir e lidar com momentos críticos para minimizar o impacto e as consequências negativas de uma crise.

A SICEMAP  será gratuita e contará com transmissão nas plataformas de streaming da consultoria CruVaz Comunicación e Let’s Make Communication.

Conhecido nas lides artísticas como Samussuku, Hitler Jessy Tshikonde é formado em Ciência Política e possui formações complementares em Comunicação e Marketing Digital, Político e Eleitoral.

Para além de rapper e antigo vice-Presidente da Associação Cívica Handeka, o activista foi conhecido pelo mediático processo 15+2, sob acusação de tentativa de golpe de estado contra presidente José Eduardo dos Santos.

Actualmente consta na lista de candidatos à deputado pela Frente Patriótica Unida – FPU/UNITA e trabalhou na linha da frente da campanha eleitoral das eleições de 24 de Agosto último, sendo igualmente co-fundador do Movimento Jovens pelas Autarquias de Angola e Guiné Bissau.

Possui ainda formações nas áreas de Neuromarketing Político, Psicologia Política e Gerenciamento de Campanha Eleitoral.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorConcurso desafia 30 autores a escrever sobre vida e obra de Agostinho Neto
Próximo artigoFestival MEO Kalorama regressa a Lisboa em 2023.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui