Morreu reverendo José Belo Chipenda

0
35
No ano de 2018 recebeu do Presidente da República de Angola, João Lourenço, a medalha de Bravura e de Mérito Cívico e Social. Foto: DR
- Publicidade -


Morreu, aos 95 anos, no Canadá, o reverendo José Belo Chipenda, vítima de doença prolongada, no passado dia 10 de Janeiro de 2024.

José Belo Chipenda nasceu a 9 de Outubro de 1929, na aldeia de Lomanda, no município do Bailundo, província do Huambo.

Foi eleito secretário-geral da Igreja Evangélica Congregacional em Angola “IECA”, no ano de 1997 e permaneceu no cargo até 2004, sendo assim o quinto a ocupar a posição, após suceder ao reverendo, Júlio Francisco Muehombo.

José Belo Chipenda foi dos primeiros estudantes da língua Umbundu a ser escolhido para continuar os estudos nos Estados Unidos da América, e pela capacidade intelectual, sabedoria, dinâmica e visão alcançou grandes níveis.

Trata-se de um nacionalista, uma figura incontornável e indispensável na história da Independência e da paz em Angola, tendo chegado, ainda, a exercer ao cargo de responsável das Igrejas ao nível do continente Africano e Membro de um dos departamentos do Conselho Mundial de Igrejas em Genebra, pelo contributo no alcance dos maiores bens alcançados, em Angola, Independência e Paz.

No ano de 2018 recebeu do Presidente da República de Angola, João Lourenço, a medalha de Bravura e de Mérito Cívico e Social.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorLançada plataforma PIC projectada para amplificar actividades culturais
Próximo artigoPrincípios são princípios e nada mais – Marcolino Baptista

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui