Zeca Moreno confirmado presidente da UNAC-SA

0
106
- Publicidade -

O artista e compositor Zeca Moreno, candidato da lista única, foi confirmado, esta terça-feira,10, em Luanda, vencedor das eleições da União Nacional dos Artistas e Compositores – Sociedade de Autor (UNAC-SA), realizadas Sábado, nas províncias do Cuanza Sul, Benguela, Namibe, Cuanza Norte, Huambo, Cabinda, Bengo, Luanda e Malanje em simultâneo. Ao total, o cabeça da Lista A teve 229 votos a nível nacional.

O candidato da Lista A concorreu à sua própria sucessão para o quadriénio (2023-2027), tendo sido o único apresentar uma candidatura nos prazos legais que ficou definida, por unanimidade, no período de 5 a 21 do corrente mês, pelos 184 membros presentes na 5ª Assembleia-Geral Ordinária, realizada no dia 14 de Julho, na cidade de Caxito, na província do Bengo.

De acordo com secretária da Comissão Eleitoral Nacional da UNAC-SA, Gersy Letícia Roque Pegado, citada pelo Jornal de Angola, o acto decorreu de forma “tranquila e sem qualquer contestação” nos ciclos eleitorais, o que não inviabilizou a realização das eleições nas datas previstas.

Informou que a tomada de posse do candidato da lista A está marcada para o dia 30 do mês em curso, às 10h00, no Memorial Dr. António Agostinho Neto, em Luanda.

Os dados estatísticos apresentados pela secretária da Comissão Eleitoral Nacional dão conta de que Luanda obteve (155 votos), Malanje (28), Cuanza-Sul (13), Huambo (11), Cuanza-Norte (10), Benguela (6), Namibe (4), Cabinda (2) e Bengo (1). A nível nacional foram contabilizados 397 votos, dos quais um em branco, em Luanda. Nas províncias com direito a voto foram abrangidos apenas os membros com as quotas regularizadas.

Gersy Letícia Roque Pegado defendeu ser necessário que os associados tenham as contas regularizadas para a coesão da instituição. “A nossa classe  tem contribuído a todos os níveis, e tem estado presente em todas as esferas da sociedade angolana”, frisou a também artista, acrescentando que o período de campanha eleitoral que esteve em aberto desde dia 1 de Setembro prolongou-se até o dia 5 do mês em curso.

Conhecido nas lides artísticas como Zeca Moreno, José Manuel Moreno Mendes Fernandes é natural de Benguela, é professor licenciado em História e é funcionário público reformado.
Exerceu vários cargos políticos e na Função Pública, destacando-se os de membro do Bureau Político e do Comité Central do MPLA, comissário municipal do Lobito, administrador municipal de Viana, assessor do governador provincial de Luanda, director provincial do Comércio e Indústria de Luanda, deputado à Assembleia Popular Provincial de Benguela e de dirigente juvenil.

Cantor desde 1972 e integrante e fundador do elenco artístico “Os Bongos” do Lobito, vocalista do Conjunto N’gola – 74 e também fundador do conjunto musical “Os Simbas”. Como cantor tem cinco álbuns no mercado.

A União Nacional dos Artistas e Compositores é uma instituição de utilidade pública, criada há 42 anos, que congrega autores, compositores, músicos, dançarinos, actores e agentes de outras manifestações artísticas, com o objectivo de estabelecer e implementar estratégias e acções que concorram para a promoção, desenvolvimento e defesa dos interesses sócio-profissionais da classe.

Os membros da União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC-SA) passaram, a partir de 1 de Junho de 2022, a pagar uma quota mensal no valor de 500 kwanzas, de acordo com as últimas deliberações saídas da última Assembleia-Geral Ordinária, realizada em Luanda no mesmo ano.

Deixe o seu comentário
Artigo anteriorSaiba mais sobre UNAC-SA
Próximo artigoAgualusa lança “Vidas e mortes de Abel Chivukuvuku”

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui